October 21, 2005

Neil French defende-se

Neil French, (ex) director criativo mundial do Grupo WPP, justifica a sua saída após comentários sexistas feitos no início deste mês em Toronto, no Canadá.



What do you make of how the Toronto remarks have been interpreted?
It's death by blog, isn't it? You had to be there. I laugh a lot on stage and I say outrageous things, but people come to be entertained. They paid [$125] to sit there. If they wanted Martin Luther King, they went to the wrong gig. I'm well-known for being as outrageous as I can to make the point that I want to make. Advertising is hyperbole and I exercise hyperbole as much as I can, but I laugh when I'm doing it. You can't storyboard a smile, as somebody said.


[Fonte: Advertising Age | Ad-Rag]

4 comments:

Gigolô said...

eu realmente parece-me tbm ter ouvido o Frenchie aquando da Estufa Fria a tecer um ou outro piropo às capacidades "recriativas" das meninas da WPP Portugal

Manuele said...

Eu também não keria dizer, mas eu nessa noite viu mais tarde no Elefante Branco a "tourear" umas brasileirinhas, tudo com o patrocínio da WPP.

Anonymous said...

O French é um dos grandes Publicitários e Copys do mundo e merecia melhores comentários do que os feitos acima. Esta malta dos Blogs geralmente tem a mania que são Gatos Fedorentos em potência.

Sem Nome said...

E portanto isto é como ele se defende. É um grande copy e publicitário, mas é mau com advogado.
Acho que a melhor defesa que ele podia ter era pedir desculpas.